/*Mudando data parte 1*/ /*Fim Mudando data parte 1*/

Treinamento - Conceitos e Objetivos

 Conceitos e Objetivos

O principal objetivo do treinamento é preparar os funcionários para a execução imediata das diversas tarefas que lhes são incumbidas dentro da organização, de forma eficiente e eficaz, desenvolvendo-os e proporcionando a eles oportunidades, visando ao seu crescimento horizontal e vertical nas diversas funções e não apenas em seus cargos atuais. O treinamento deve, ainda, criar clima satisfatório entre os empregados, mudando-lhes as atitudes, aumentando sua motivação e tornando-os mais receptivos às técnicas de supervisão e gerência. Em relação ao conteúdo do treinamento, podemos destacar:
a. Transmissão de informações: é considerado um fator principal dentro do treinamento; deverá ser genérica e que aborde conhecimentos do trabalho, tais como: informações da organização, seus produtos e serviços, suas políticas, regras e regulamentos, etc.

b. Desenvolvimento de habilidades: está diretamente relacionado ao desempenho do cargo atual ou de ocupações futuras; deve ser orientado diretamente para as tarefas e operações a serem executadas.
c. Desenvolvimento ou modificação de atitudes: é utilizado para mudar atitudes negativas para atitudes positivas, desenvolver o aumento da motivação, da sensibilidade do pessoal da gerência e de supervisão quanto ao sentimento e reações das outras pessoas. Envolve hábitos e atitudes, principalmente em relação a clientes ou usuários.
d. Desenvolvimento de conceitos: é utilizado para elevar o nível de abstração e de concepção de idéias e de filosofias, facilitando a aplicação de novos conceitos na área administrativa, nde se eleva o nível dos gerentes em termos globais e amplos.

O treinamento é um processo de enriquecimento de habilidades, das quais se destacam :
• habilidades motoras: solicitadas na manipulação do ambiente físico e baseadas em padrões apropriados de respostas da musculatura corporal;
• habilidades cognitivas: que incluem a aquisição de padrões de atitudes e crenças;
• habilidades interpessoais: muitas vezes consideradas em termos de autoconsciência e de funcionamento eficaz dentro de processos sociais e interações humanas.

OBJETIVOS MENSURÁVEIS
• Treinar a força de venda para obter um aumento deflacionado das vendas.
• Aumentar o número de unidades/hora produzidas com o mesmo equipamento e pessoal empregados.
• Diminuir os custos operacionais e administrativos.

OBJETIVOS QUANTIFICADOS
• Modificação do comportamento profissional do treinando.
• Desenvolvimento do espírito de integração por parte da equipe de trabalho.
• Desenvolvimento das aptidões de liderança.

Coordenação de Treinamentos

1.1 O que é Treinar?

Treinar é a arte de aperfeiçoar o desempenho.

O processo de treinamento permite que as pessoas elevem seu nível de desempenho. Isso pode ser conseguido em uma única sessão ou em um longo ciclo de aprendizagem. O treinamento funciona tanto para habilidades específicas – usadas em situações do dia-a-dia e em reuniões mais estruturadas – como para estimular a aprendizagem.

1.2. Levantamento de Necessidade de Treinamento (LNT)

O levantamento de necessidade de treinamento, é uma forma de diagnóstico e, como tal, deve basear-se em informações relevantes. Essas informações devem ser cuidadosamente coligadas e agrupadas sistematicamente.
Necessidades de treinamento são as carências de preparo profissional das pessoas, ou seja, a diferença entre o que uma pessoa deveria saber e fazer e aquilo que ela realmente sabe e faz. Significam um descompasso entre o que deveria ser e o que realmente é.
Alguns meios utilizados para levantamento de Treinamento são:

- Solicitação de Supervisores e gerentes;
- Modificação do trabalho;
- Pesquisa de Mercado.

1.3. Estruturação e Planejamento de um Programa de Treinamento

Após o diagnóstico de necessidades, passa-se ao planejamento das atividades de treinamento e envolve os seguintes itens:
- Definição clara do objetivo;
- Determinação do conteúdo;
- Escolha dos métodos;
- Definição dos recursos necessários;
- Definição do público-alvo;
- Local;
- Cálculo do custo benefício;
Etc.

1.4. Execução, Acompanhamento e Avaliação

A execução do treinamento centra-se na relação Instrutor-Treinando.

A avaliação do treinamento é para verificar sua eficácia, ou seja, para ver se o treinamento realmente atendeu às necessidades da organização, das pessoas e dos clientes. Devemos levar em conta dois aspectos principais:

- Determinar até que ponto o treinamento realmente produziu as modificações desejadas.
- Demonstrar se os resultados do treinamento apresentam relação com a consecução das metas.

Fonte: Treinamento Instruindo a Instruir - Manual do Instrutor - Kênia Kesia

0 comentários

Posts a comment

AddThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores

Prevencao ( 204 ) Noticia ( 194 ) Saude ( 194 ) TST ( 176 ) BMB ( 122 ) Treinamento ( 88 ) Legislacao ( 67 ) Defesa Civil ( 59 ) SESMT ( 45 ) DDS ( 41 ) Meio Ambiente ( 38 ) NR 07 ( 34 ) Cartilha de Segurança ( 25 ) PP ( 22 ) NR 06 ( 19 ) Motivacao ( 17 ) NR 18 ( 17 ) EPI ( 16 ) NR 35 ( 14 ) Acidente ( 11 ) NR 23 ( 11 ) NR 33 ( 11 ) FISPQ ( 7 ) Inspeção ( 7 ) NR 05 ( 7 ) NR 09 ( 7 ) PPRA ( 7 ) NR 15 ( 6 ) PPP ( 6 ) Cipa ( 5 ) NBR ( 5 ) NR 16 ( 5 ) DST ( 4 ) Descontracao ( 4 ) Inicio ( 4 ) NR 10 ( 4 ) NR 11 ( 4 ) NR 12 ( 4 ) NR 36 ( 4 ) Portaria ( 4 ) Agenda ( 3 ) CAT ( 3 ) EPC ( 3 ) MSDS ( 3 ) NR 13 ( 3 ) NR 17 ( 3 ) NR 32 ( 3 ) 5S ( 2 ) CBO ( 2 ) NR 04 ( 2 ) NR 20 ( 2 ) NR 31 ( 2 ) sipat ( 2 ) AVCB ( 1 ) FDSR ( 1 ) ISO ( 1 ) Inflamaveis ( 1 ) LER-DORT ( 1 ) NR 22 ( 1 ) NR 26 ( 1 ) NR 27 ( 1 ) NR 28 ( 1 ) NR 29 ( 1 ) NR 30 ( 1 ) NR 34 ( 1 ) RAT ( 1 ) Solda ( 1 )

Resumão

 
© Segurança, Nosso Compromisso
Designed by Blog Thiết Kế
Voltar ao Topo